Aplicar protetor solar em cinco passos.

capa-de-apresentação-do-tópico-aplicar-protetor-solar-compressor

Devo aplicar o protector solar antes ou depois da minha rotina de cuidados de beleza? Como aplicar protetor solar se uso maquilhagem? Qual a quantidade que devo utilizar? A estas questões e mais algumas procuro dar resposta no presente artigo.

Não há, em boa verdade, muitos segredos no que concerne à aplicação do protetor solar. Existem, todavia, alguns aspetos a ter em particular atenção, de modo a tirarem o máximo partido do produto e protegerem a vossa pele de forma eficaz. É mais fácil do que poderá aparentar, mas requer alguns cuidados para garantir a sua eficácia.

Tema: Como aplicar protector solar correctamente em cinco passos.

A quem poderá interessar: Àqueles que desejem saber mais acerca do protetor solar e fazer escolhas informadas.

13 dicas avançadas para usar máscaras faciais.

capa de apresentação do tópico dicas máscaras para a pele

Como aplicar uma máscara facial corretamente? Como limpar a pele antes e após usar uma máscara para a pele? Que devo fazer a seguir? A estas questões e mais algumas procuro dar resposta no presente artigo.

Não sei precisar quando é que as máscaras faciais se tornaram oficialmente um it item. Certo é que a vida parece ser melhor com uma máscara facial para relaxar ao final de um longo dia… Mas basta aplicar a máscara e ficar de papo para o ar? Não, apesar de ser melhor que nada!

Tema: Dicas essenciais e fáceis de aplicar para o uso de máscaras faciais.

A quem poderá interessar: Àqueles que se interessam por máscaras faciais, procurando ter uma pele saudável e prevenir o envelhecimento precoce.

Os 10 mandamentos dos cuidados de pele.

#1. Amar a sua pele.

Como resultado de se amar a si próprio. Sim, é provavelmente mais da mesma conversa de chacha a que estamos habituados. Mas só quem se valoriza, pensando no futuro da sua pele, é capaz de se dedicar a um regime de cuidados adequado.

#2. Aplicar creme hidratante diariamente.

Mais uma sugestão um pouco básica, mas, hey, isto são os essenciais e não propriamente dicas groundbreaking. É importante aplicar creme hidratante pelo menos duas vezes ao dia. Complementem, à vontade e por favor, com outro tipo de produtos adequados ao vosso tipo de pele que promovam a hidratação cutânea.

#3. Não se esquecer de usar protetor solar.

Quem só se lembra que tem protetor solar durante os meses de verão e só porque vai para a praia está a desperdiçar todo o potencial deste produto milagroso. Apliquem em abundância - e como último passo da vossa rotina matinal de beleza - no rosto, no pescoço, no peito, nas mãos e em qualquer parte do corpo que venha a estar exposta à luz solar, nem que seja por breves momentos. Vale muito a pena!

#4. Limpar a pele de forma rigorosa.

Sobretudo se tiverem aplicado maquilhagem, mas, mesmo que não tenham, este passo não deve ser contornado. Não limpar a pele com regularidade poderá levar à obstrução dos poros, o que tenderá a causar imperfeições, mas também intensificar a aparência de linhas finas ou rugas, devido à sujidade que se aloja nestas depressões cutâneas. Usem produtos suaves e não lavem o rosto mais do que necessário, de forma a preservar os óleos naturais da pele e a sua hidratação.

#5. Não começar com cuidados contra o envelhecimento apenas quando os primeiros sinais de idade aparecerem.

Vou contar-vos uma pequena história e, sendo pessoal, claro que tem de ser extra! Quando tinha cerca de quatro anos, apanharam-me em flagrante a usar o creme antirrugas da minha mãe. Aos quinze anos, estava a elogiar um creme que adoraria ter quando me interromperam. Ambas as vezes ouvi "depois quando precisares dele verdadeiramente, não vai resultar". Don't try to hold me down. O mais importante a reter aqui é a necessidade de ter cuidados de pele preventivos e usar produtos adequados à sua idade, prevenindo danos antes que ocorram. Não necessariamente começando aos quatro anos de idade, mas isso já é outro assunto.

#6. Conhecer a sua pele e fazer escolhas conscientes no que toca aos produtos usados.

Se ainda não determinaram qual é o vosso tipo de pele, já era horinha de o fazer. É um passo crucial para determinar uma rotina de cuidados com a qual se sintam confortáveis e que vos faça bem. Não se coíbam de procurar aconselhamento profissional e pesquisar antes de adquirir um determinado produto. Por seu lado, os tratamentos DIY à la Pinterest - sagrado seja! - nem sempre são uma boa ideia, sobretudo quando envolvem ingredientes algo agressivos como vinagre, limão, óleo de menta ou canela. Não receiem experimentar, mas com consciência.

#7. Não tentar ficar bronzeado expondo-se à luz solar de forma inconsequente e constante.

Bem, todos os anos, quando chega a esta estação, assisto a muita gente que se põe a assar como se fosse uma tarte a ser servida na Última Ceia. Uma pele bronzeada é, a meu ver, bonita, mas acarreta riscos como o envelhecimento precoce ou, muito pior, cancro da pele. E não é um comportamento perigoso apenas para os copinhos de leite, ultrapassando raças e tons de pele. Citando a minha querida Betty, "utilizem algo que vos bronzeie. Não se tentem bronzear, porque é a única cara que têm". E não é que tem razão? Afinal, são mais de cem anos de experiência!

#8. Ter atenção àquilo que se consome.

Apesar de estar em sétimo lugar, este "mandamento" é o primeiro e mais determinante passo para uma pele saudável. É que, sem uma alimentação equilibrada, muito dificilmente algum tratamento exterior surte ou mantém um efeito milagroso. Apostem numa alimentação de baixo índice glicémico, rica em vegetais, frutas, proteínas magras, nozes, (pseudo)cereais, sementes e leguminosas, optando por alimentos não processados. Podem inspirar-se aqui.

#9. Manter-se hidratado.

Manter níveis de hidratação optimais contribui principalmente para o normal funcionamento do organismo e, em segundo plano, para uma pele com aspeto saudável e luminoso, prevenindo sinais de idade associados à desidratação. Apostem em bebidas sem açúcar e com pouca cafeína: as minhas favoritas são água simples ou com limão, chá e infusões herbais bem como águas infusionadas.

#10. Saber gerir e evitar situações de stress.

Os efeitos negativos do stress não se limitam apenas ao foro psicológico. Sabendo que o nosso estado de espírito influencia T-U-D-O, níveis anormais de stress podem conduzir a uma aparência desgastada, infeliz e envelhecida. É sabido ainda que algumas horas após uma situação de stress ter ocorrido os níveis de antioxidantes no organismo decrescem de forma drástica. Por isso, é importante recarregá-los. Mais importante ainda é saber parar, relaxar e, se necessário, procurar ajuda.

giphy1
Fonte: Giphy // Rihanna.