O verdadeiro significado de hipoalergénico.

Hipoalergénico – true or treta? A resposta a esta pergunta será o tema deste artigo e, como em quase tudo nesta vida, não é de todo linear. Segundo o dicionário Priberam, hipoalergénico é um adjetivo empregue para designar algo que provoca poucas reações alérgicas. Será esse o verdadeiro significado deste termo ou haverá outros aspetos a considerar?

A palavra hipoalergénico é utilizada no âmbito da indústria cosmética há décadas, com o intuito de procurar assegurar que um determinado produto oferecerá maior segurança de uso, terá sido alvo de maior e melhor controlo ou que não conterá químicos nem outras substâncias irritantes. Mas como se aplica a teoria na prática?

Em boa verdade, revela-se algo complicado concretizar estudos que comprovem que determinado produto apresenta, de facto, características hipoalergénicas. Por um lado, trata-se sobretudo de um termo empregue na área do marketing e não propriamente das ciências exatas, significando então que um determinado produto cosmético não causará alergias na maioria dos consumidores.

Por outro lado, o uso do adjetivo hipoalergénico bem como a realização de testes que comprovem esta alegação não são alvo de regulação oficial, o que permitirá descrever e publicitar um produto cosmético como hipoalergénico sem que haja necessidade de o demonstrar previamente por via de exames clínicos. Adicionalmente, não existe uma lista oficial de ingredientes potencialmente irritantes a evitar ou excluir na formulação de produtos cosméticos designados de hipoalergénicos.

Apesar da ausência de obrigatoriedade de testes clínicos, muitas empresas, normalmente multinacionais, procedem à realização dos mesmos a fim de comprovar que um determinado produto é hipoalergénico. Assim, fazem-no sobretudo pelo consumidor e para ganhar a sua confiança. O teste mais comum consiste na aplicação de uma compressa embebida no produto cosmético nas costas ou braços de voluntários. É, atualmente, uma das formas mais viáveis de identificar quaisquer reações cutâneas.

Há ainda outra questão a considerar. Sabendo que a regulação destes testes clínicos é parca ou até inexistente, será possível testar o produto cosmético em pessoas que nunca tenham sofrido reações alérgicas ou cuja tendência para contrair alergias seja consideravelmente reduzida. Acresce ainda o facto de, algumas vezes, serem alvo de estudo produtos que não contêm substâncias irritantes ou potencialmente responsáveis por reações alérgicas. Outra hipótese consiste em incluir apenas ingredientes que tenham sido previamente considerados seguros por via de, muito infelizmente, testes animais.

Desengana-se quem pensava tratar-se de um termo inclusivo. Em suma, é usado para designar cosméticos que apresentarão menor risco de induzir reações alérgicas. Tal poderá dever-se ao uso exclusivo de fórmulas sem ou com menor quantidade de antigénios, mas, devido à falta de regulação oficial, é impossível garantir que não causarão reações alérgicas. O que quero com isto dizer é que o termo hipoalergénico não é a palavra de Deus. Afinal, não foram até à data estabelecidos padrões que permitam, oficialmente, regular o uso desta palavra em associação com a indústria cosmética.

Recomendo a leitura atenta da lista de ingredientes de cada produto cosmético que pretendam adquirir, de modo a identificar substâncias irritantes e às quais possam ser alérgicos. Sobretudo aqueles com pele sensível e doenças do foro cutâneo beneficiarão amplamente de produtos sem álcool (desnaturado), fragrâncias, parabenos, sulfatos, esfoliantes físicos sem grânulos ásperos ou protetores solares com agentes de proteção solar físicos. Não se deixem convencer exclusivamente pelo rótulo de hipoalergénico! Se é verdade que muitos produtos que alegam ser hipoalergénicos realmente o serão, outros poderão provocar irritação ou alergias cutâneas.

 

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s